terça-feira, 22 de maio de 2012

22.05.2012 - Meu 1º aniversário!

Boa noite!

Boa não, especial!

Hoje, dia 22 de maio de 2012, além de ser o dia da minha santinha Rita de Cássia, é o meu 1º aniversário.

1º aniversário, pois há exatamente 1 ano atrás eu renasci. Recebi a minha chance de começar tudo de novo. Corrigir os erros e dar valor as coisas e momentos que realmente importam nessa vida.

Dia 22 de maio de 2011 eu não acordei, pois não dormi!

Cheguei cedinho no hospital e recebi um milagre!!! Os médicos conseguiram, através da permissão “lá de cima”, costurar o meu intestino e não precisei usar a bolsinha para sempre.

Portanto, hoje é o nosso dia! Meu e da minha santinha.

Acordei com uma sensação estranha...um frio na barriga. Acho que só de relembrar os sentimentos que tive naquele dia, já me deu um enjoo, um arrepio.

Parece que não fui eu que passei por tudo aquilo...ou pelo menos que eu não teria forças para passar novamente.

Sabe quando alguém diz que não seria capaz de alguma coisa, até vivenciar o momento que exige aquela atitude e a pessoa faz sem pensar duas vezes? É mais ou menos assim que eu me sinto.

Acredito que na época vesti uma armadura, peguei a espada, o escudo e sai derrubando tudo o que vinha pela frente.

Parabéns para mim, para os médicos, para tooooodas as pessoas que me apoiaram com uma ligação, uma mensagem, um abraço, uma visita, uma oração,...OBRIGADA!

Comemoro esse dia agradecendo!!!! Agradecendo a vida maravilhosa e preciosa que eu tenho. Aliás, que todos nós temos...pena que alguns demoram muito para entender o valor que “ela” tem!!!

E como se não pudesse ficar melhor, na terça-feira passada fui ao meu médico – cirurgião e levei todos os exames, inclusive a colonoscopia que eu estava com tanto medo de fazer. E o resultado...Ah...o resultado NÃO PODERIA SER MELHOR!!!

- Bruna, seus exames estão EXCELENTES! Sangue (CEA), ultrassom, raio-x,...e a colono? Nossa, que lindo! Está tudo limpinho, bonitinho, perfeito! Parabéns. Sobre a densitometria óssea, não se preocupe! Acredito que não é efeito da menopausa, provavelmente você já tinha essa fraqueza e agravou, pois ano passado você não pode fazer nenhum exercício e ficou muito tempo “de molho”! O remédio? Ginástica e apenas ginástica. Irá fortalecer os músculos e ossos o suficiente para você não precisar de remédio.

E era nítida a alegria e sensação de dever mais do que cumprido dele.

Eu? Ah...eu estava em outro planeta tentando voltar para a Terra.

Além de todas essas notícias ele autorizou a retirada do meu cateter, porth o cath! Hahahahaha...só faltava ele falar que de agora em diante era vida normal, né?

Nos despedimos e ele disse: Muito bem! Agora é vida normal e volte aqui apenas daqui a 06 meses com os exames que você fará semestralmente para acompanhamento.

QUUUUUUUUUUUUEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEE???????

Hahahaha mas neeeem se eu tivesse ganhado MILHÕES na mega sena eu seria capaz de sentir aquilo lá! INDISCRITÍVEL!

Você ACHA que já ficou COMPLETAMENTE feliz nessa vida?

EU SEI O QUE É ISSO!

Meu coração explodiu, eu tive vontade de gritar até desmaiar, sair correndo e seria capaz de dar 3 voltas no mundo.

Acho que fiquei sem piscar os olhos por alguns minutos, a boca seca, os batimentos a milhão...fui e voltei até o céu 8235397 vezes!

Tudo isso aconteceu até eu entrar no carro com o meu pai. Aí eu desabei e chorei por 02 horas contadas no relógio, sem parar para respirar.

Aqueles choros de soluço...o lenço que usava no meu pescoço até ficou molhado.

Meu pai não se aguentou de alegria e satisfação!

Sabe, no meio de tantos acontecimentos, não tinha passado pela minha cabeça que algum dia eu iria receber um troféu. Esqueci que a batalha teria SIM um vencedor e depois disso, iria simplesmente...acabar.

Sim, acabar!

Eu não pensei, em nenhum momento, que esse dia chegaria, e novamente, assisti ao filme da minha luta.

Uma emoção única e especial. A minha vontade de viver tinha prevalecido e o resultado final era aquele: uma Bruna mais saudável do que nunca, mais feliz do que nunca e mais cheia de vida e alegria do que nunca. Poderia ser melhor?

Meu Deus do Céu, agradecer todos os dias será muito pouco.

Em todos os sentidos que esta expressão pode representar: deixo a minha VIDA nas suas mãos, para que o Senhor direcione e cuide, da forma que julgar melhor! Poderia ser mais grata? Afinal, é o meu BEM MAIS PRECIOSO!